NÃO PERCA SUA HORA!

sábado, 8 de junho de 2013

CASAL DE PSICÓLOGOS, DONOS DO PROGRAMA DE BUSCA DE FELICIDADE, COMETEM SUICÍDIO

Um casal de psicólogos, autores de um programa de auto-ajuda numa rádio norte-americano, foi encontrado morto, na casa de ambos, em Brooklyn, nos EUA. Foram encontrados com um saco na cabeça.
                       Lynne Rosen e John Litting
Lynne Rosen, de 46 anos, e John Litting, de 48, davam voz ao programa Pursuit of Happiness (Busca da Felicidade), na rádio norte-americana WBAI-FM, que ensinava a viver de forma gratificante e feliz.
Foram encontrados os dois mortos em casa. Enfiaram um saco de plástico na cabeça e inalaram hélio, segundo confirmou a polícia, citada pelo The New York Daily News.
"Vamos fazer isto juntos", escreveram numa carta deixada à família.
Lynne e John tinham uma empresa de coaching, a "Why Not Now", que oferecia uma série de workshops de auto-ajuda.
O casal vivia há 20 anos no mesmo bairro e os vizinhos falam deles como pessoas "respeitáveis" que conheciam há muito tempo.
O alerta foi dado pelos vizinhos que começaram a sentir um cheiro estranho do apartamento de Lynne e John. A porta da casa foi arrombada quando começou a aparecer sangue.
Em junho de 2001, Lynne Rosen foi processado por uma seguradora, juntamente com outros terapeutas, por cobrar testes psicológicos desnecessários a pacientes que tinham estado envolvidos em acidentes de viação.
Em março deste ano, a seguradora retirou as queixas.

FONTE: Jornal de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja Bem Vindo!